POLICIAL MILITAR DE ESPINOSA ESTÁ DESAPARECIDO

A ocorrência foi registrada no município de Monte Azul

Por Sueli Teixeira

NOME: ERLAN GALDINO DA SILVA.
IDADE: 32 ANOS
PROFISSÃO: POLICIAL MILITAR.
GRADUAÇÃO: 3º SARGENTO DA POLICIA MILITAR DE MINAS GERAIS.
Nº PM: 145.827-2
FILIAÇÃO: JOSÉ GALDINO DA SILVA E EDILZA PEREIRA DA SILVA.
LOCAL DE TRABALHO: 237ª CIA PM DE ESPINOSA.

Em 25/09/2019 por volta das 17h30min a guarnição PM de Monte Azul foi acionada pelo Sr. José Galdino da Silva, onde este informou aos militares que seu filho, Erlan Galdino da Silva, 3º Sargento da Policial Militar, saiu de casa por volta das 21h00min do dia 24/09/2019 e ainda não havia retornado até a presente data, que seu filho nunca havia feito algo do tipo de deixar de avisar seu destino. Que o militar quando saiu estava trajando calça jeans, tênis de cor esverdeada, blusa vermelha e uma blusa de frio de lã de cor preta. Que o militar não levou carteira nem documentos, levando apenas sua arma de fogo particular e o celular. Que o carro e a motocicleta do militar ficaram na residência dos pais onde o militar também mora na cidade de Monte Azul. Que o militar saiu a pé ou alguém deu carona para o mesmo, porque os pais do militar não perceberam o momento em que ele saiu. Foram realizados contatos com amigos e parentes do militar na cidade de Monte Azul, Espinosa e Santo Antônio do Retiro e ninguém soube informar o possível destino do militar. Também foi feito contato em hotéis e hospitais. Não existem câmeras de videomonitoramento na rua da casa do militar. O militar não deixou bilhetes ou qualquer tipo de informação que pudessem indicar o paradeiro do militar, bem como desligou seu aparelho celular. Conforme escala de serviço da 237ª Cia Espinosa o militar estava escalado de serviço às 20h30min, porém não compareceu. No dia 23/09/2019 o militar trabalhou normalmente na cidade de Espinosa e conforme os militares o 3º Sgt PM Galdino estava bem durante todo turno de serviço. Conforme alguns amigos o militar sempre foi uma pessoa ansiosa, mas nada anormal. A princípio não tem motivos para o desaparecimento do militar.

Fonte: PMMG de Monte Azul


Jornalista Sueli Teixeira
Blog Boneka Jaíba

0 comentários: