O DIA QUE JANAÚBA PAROU

TRAGÉDIA DA CRECHE
Por Sueli Teixeira

No dia 05 de Outubro 2017, foi marcado por uma tragédia na creche Gente Inocente em Janaúba.
Hoje, dia 05 de Outubro de 2019, são dois anos de sofrimento para familiares que perderam seus entes queridos.
O fato ocorreu após um vigia atear fogo na creche, registrando treze vítimas fatais.
Essa creche passou a chamar-se Helley de Abreu, a professora que também morreu nessa fatalidade, após lutar contra o autor e salvar várias crianças.

Todos os processos do ocorrido são contra a Prefeitura, já que a creche Gente Inocente era municipal e o autor do ataque, funcionário público.

Mas outras escolas e creches devem chamar à atenção dos olhos públicos, algumas fotos são registradas com cenas deploráveis de segurança no município de Janaúba, para atendimento às crianças e alunos como:

Cemei Anjo da Guarda - Paesjan;
Cemei Mãe Martilia;
Cemei Neusnária Mendes;
Cemei Rosa Mística;
E.M. Presidente Castelo Branco;
E.M. Professora Sofia Rosa.

A única escola que passou por reforma, foi o Cemei Gente Inocente. Mas, não por mérito do Poder Executivo e sim pelo um grupo de Empresários que arcaram com a despesa da reforma.

As vítimas e familiares estão em buscas dos direitos de indenizações em desfavor da administração pública de Janaúba.

Enfim, após a tragédia, o "luto" de Janaúba permanece nessa data 05 de Outubro, e até hoje, nada de planejamento para que isso seja amenizado pelo poder executivo em favor dos envolvidos.

JANAÚBA pede socorro!

Jornalista Sueli Teixeira
Blog Boneka Jaíba
















0 comentários: